em Saúde

Correio Braziliense entrevistou nosso neurologista do Hospital Santa Lúcia, Amauri Godinho, sobre pesquisa britânica que deu mais um passo para descobrir como nosso organismo funciona, o estudo sugere que atrasar as refeições altera o relógio biológico. O especialista destacou que trabalho será um novo ponto de partida para entender como o ser humano é afetado de diferentes formas pela alimentação. Confira: clique aqui.

Correio Braziliense - Dr. Amauri Godinho HSL - 02-06-2017

Posts recentes