CORREIO BRAZILIENSE | HOSPITAL SANTA LÚCIA

 em Saúde

A pedra na vesícula afeta cerca de 20% da população mundial, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), e é provocada por diversos fatores como sedentarismo, hipertensão, diabetes, má alimentação e outros. Agora, os cientistas alemães descobriram outro fator nada comum que também colabora para o desenvolvimento da pedra na vesícula: o sistema imunológico. De acordo com o estudo publicado na revista especializada Immunity, as células de defesa podem estar por trás do surgimento de cálculos biliares.

Nosso médico gastroenterologista do Hospital Santa Lúcia (Norte), Dr. Bernardo Martins, explica em entrevista ao Correio Braziliense, veja: clique aqui.

Correio Braziliense - Dr. Bernardo Martins HSLN - 16-08-2019

Posts recentes
Entre em contato

SHN Quadra 06, Bloco E, Sala 1707 a 1710, Complexo Brasil 21. Asa Sul, Brasília - DF, CE: 70.322-915. (61) 3547-3060